Soluções Locais de SEO: 8 Dicas para Acelerar Rankings Locais

Avatar
Head of Content @ Ahrefs (or, in plain English, I'm the guy responsible for ensuring that every blog post we publish is EPIC).
    SEO local é o proces­so de aumen­tar a pre­sença do seu negó­cio em procuras locais de for­ma a atrair mais clientes.

    Muitos guias mostram-lhe como faz­er SEO local do princí­pio ao fim. Porém, podem ser assus­ta­dores, pois é um assun­to complexo.

    Por isso, neste guia, nós man­ter­e­mos as coisas sim­ples, através de oito dicas para aumen­tar a clas­si­fi­cação local:

    1. Reivin­dique e otimize o seu per­fil do Google Meu Negócio
    2. Faça pesquisa de palavras-chave locais
    3. Otimize land­ing pages locais
    4. Obten­ha citações e links locais 
    5. Recu­pere links perdidos
    6. Obten­ha mais avaliações
    7. Seja desta­ca­do nas pub­li­cações de lista­gens locais
    8. Man­ten­ha o seu site saudável

    Todas as empre­sas podem reivin­dicar um per­fil gra­tu­ito do Google Meu Negó­cio, que é uma listagem local com infor­mações sobre o seu negó­cio. Depois de reivin­di­cadas, as infor­mações que adi­ciona ao seu per­fil de negó­cio podem apare­cer nos resul­ta­dos de pesquisa da web no Google e Google Mapas.

    Você pode reivin­dicar seu per­fil de negó­cio por meio do Google Meu Negó­cio, a fer­ra­men­ta gra­tui­ta da Google para geren­ciar seu per­fil do Google Meu Negócio.

    Aqui está como:

    1. Vá para Google Meu Negócio
    2. Clique em Geren­ciar agora
    3. Ini­cie sessão na sua con­ta Google 
    4. Pro­cure pelo nome da sua empresa
    5. Sele­cione o negó­cio correto
    6. Clique em Geren­ciar agora
    Nota adi­cional.
    Se a sua empre­sa não apare­cer nas pesquisas, clique na opção para adi­cionar a sua empre­sa e siga as instruções. Mes­mo que a sua empre­sa não apareça, pode ser-lhe solic­i­ta­do que reve­ja e con­firme os detal­h­es da sua empre­sa antes da eta­pa #6.

    Depois de reivin­di­ca­da, poderá gerir o seu per­fil de negó­cio usan­do o Google Meu Negócio.

    Há muitos detal­h­es e otimiza­ções que pode faz­er aqui. Então, de for­ma a man­ter as coisas sim­ples, vamos dar uma vista de olhos nas, sem dúvi­da, cin­co otimiza­ções mais impor­tantes que deve fazer:

    1. Escol­ha o tipo de negó­cio cor­re­to o Google divide as empre­sas em vit­rine, área de serviço e empre­sas híbri­das. As infor­mações inseri­das na janela “Infor­mações” definem como o Google vê a sua empre­sa. Se a sua empre­sa atende clientes ape­nas na sua mora­da físi­ca, como é o caso de um cabeleireiro ou café, defi­na o seu endereço e deixe o cam­po “área de atendi­men­to” em bran­co. Se o seu negó­cio só atende ou faz entre­gas para clientes, como é o caso de um canal­izador ou cabeleireiro móv­el, limpe o endereço e defi­na sua(s) área(s) de atendi­men­to. Se a sua empre­sa faz as duas coisas, adi­cione o seu endereço e defi­na sua(s) área(s) de atendimento.
    2. Escol­ha a cat­e­go­ria de negó­cio cor­re­ta Você tem muitas opções aqui, e algu­mas delas são semel­hantes (por exem­p­lo, con­tabilista ver­sus con­tabilista free­lancer). Reserve um min­u­to para exam­i­nar as opções e escol­ha a mais ade­qua­da para si.
    3. Adi­cione o horário do negó­cio – As pes­soas não irão vis­i­tar ou lig­ar para a sua empre­sa se acharem que está fecha­do, por isso é cru­cial lis­tar o horário de negó­cio de for­ma pre­cisa. Você tam­bém deve faz­er isso nos feri­ados, para que as pes­soas saibam se e quan­do está aber­to durante os feriados.
    4. Adi­cione fotos Empre­sas com fotografias recebem mais 42% de pedi­dos de “direções” e 35% mais cliques no web­site, de acor­do com a Google. Por­tan­to, cer­ti­fique-se que adi­ciona algu­mas fotos.
    5. Adi­cione o seu web­site É sur­preen­dente (e frus­trante) a quan­ti­dade de donos de negó­cios não fazem isto. Não seja um deles.

    Leitu­ra Recomen­da­da: How to Opti­mize Your Google My Busi­ness List­ing in 30 Minutes

    Saber como os clientes locais pesquisam os pro­du­tos ou serviços que você ofer­ece é a base do SEO local. Se você con­hece bem o seu setor e seus clientes, é prováv­el que ten­ha algu­ma ideia de como eles fazem isto. Mes­mo assim ain­da é acon­sel­háv­el realizar uma pesquisa de palavras-chave para expandir seu alcance.

    Por exem­p­lo, dig­amos que você é um canal­izador em Lon­dres. Provavel­mente não pre­cisa de pesquis­ar palavras-chave para saber quais são os poten­ci­ais clientes que estão pesquisan­do coisas como:

    • canal­izador em londres
    • canal­izador

    Mas a real­i­dade é que as pes­soas provavel­mente tam­bém estão procu­ran­do o que faz através de out­ras maneiras. Ao focar ape­nas em palavras-chave óbvias como “canal­izador lon­dres”, está a deixar muito din­heiro na mesa.

    Aqui está uma for­ma de perce­ber de que out­ras for­mas as pes­soas podem estar a pesquis­ar por você:

    1. Faça um brain­storm­ing dos seus pro­du­tos ou serviços
    2. Cole a sua lista no Key­words Explor­er da Ahrefs
    3. Vá para o relatório de Match­ing terms
    4. Pro­cure por palavras-chave rel­e­vantes com vol­ume de procura

    Por exem­p­lo, se conec­tar­mos serviços como “reparo de caldeiras”, “insta­lação de caldeiras” e “des­blo­queio de canos” no Key­words Explor­er, ver­i­fi­camos que as pes­soas estão procu­ran­do por ess­es e out­ros serviços semel­hantes todos os meses:

    Repare que os vol­umes de pesquisa no Key­word Explor­er são nacionais, não locais. Por out­ras palavras, eles mostram o número men­sal esti­ma­do de pesquisas no país escolhido.

    No entan­to, isso não é grande coisa, porque as pes­soas nor­mal­mente procu­ram coisas da mes­ma maneira de cidade para cidade. E o que você está à procu­ra aqui são as difer­entes maneiras pelas quais as pes­soas pesquisam o que você oferece.

    Se quis­er vol­umes de pesquisa locais para essas palavras-chave, leia o guia abaixo para saber como.

    Leitu­ra recomen­da­da: How to Do Local Key­word Research

    Se desco­briu que as pes­soas estão pesquisan­do por pro­du­tos ou serviços especí­fi­cos que você ofer­ece, provavel­mente pre­cis­ará de cri­ar land­ing pages especí­fi­cas para os mesmos.

    Por exem­p­lo, as pes­soas não estão ape­nas pesquisan­do por “canal­izador”, mas também:

    • insta­lação de caldeira a gás
    • sub­sti­tu­ição de caldeira
    • encaixe da casa de banho

    Faz sen­ti­do ter land­ing pages para estes serviços. Mas como faz­er com que elas ten­ham uma clas­si­fi­cação mais alta nas pesquisas?

    Vamos primeiro abor­dar a maneira erra­da de o faz­er: preenchi­men­to de palavras-chave. Isto acon­tece quan­do repete as palavras-chave para as quais se dese­ja clas­si­ficar o maior número pos­sív­el de vezes na pági­na, levan­do a uma cópia bas­tante arti­fi­cial como esta:

    Ain­da se vê muito dis­to em sites de empre­sas locais — e nun­ca é uma boa ideia. Isto não aju­da o SEO e provavel­mente serve ape­nas para alien­ar poten­ci­ais clientes.

    Em vez dis­so, deve “otimizar” as land­ing pages, incluin­do infor­mações impor­tantes para quem pesquiso. Muito dis­to é sen­so comum. Por exem­p­lo, é bas­tante óbvio que as pes­soas que procu­ram por “reparo de caldeiras” vão quer­er infor­mações sobre preços.

    Mes­mo que con­heça bem o seu setor e seus clientes, pode igno­rar detal­h­es impor­tantes. Por esse moti­vo, é útil ver­i­ficar como out­ras pági­nas semel­hantes se estão clas­si­f­i­can­do, pois essas palavras-chave geral­mente estão rela­cionadas com detal­h­es importantes.

    Veja como faz­er isso:

    1. Instale e ative o SEO Tool­bar da Ahrefs
    2. Pesquise no Google pelo nome do serviço/produto + local 
    3. Pro­cure uma pági­na semel­hante à sua nos resul­ta­dos de pesquisa (o que sig­nifi­ca uma pági­na de serviço de out­ra empre­sa local)
    4. Ver­i­fique se ele está clas­si­fi­ca­do para um número razoáv­el de palavras-chave
    5. Clique no link KW
    6. Fil­tre por top 10 de classificação
    7. Fil­tre a clas­si­fi­cação de sitelinks e “as pes­soas tam­bém perguntam” 

    Por exem­p­lo, se procu­rar­mos por “reparação caldeira lon­dres” vemos esta pági­na de serviço que se clas­si­fi­ca com 232 palavras-chave:

    Se cli­car­mos nesse número, vemos todas as palavras-chave no Site Explor­er da Ahrefs:

    Nota adi­cional.
    Esta­mos a ver ape­nas 173 palavras-chave, não 232, porque esta­mos a anal­is­ar ape­nas as clas­si­fi­cações de palavras-chave no Reino Unido. As out­ras clas­si­fi­cações de palavras-chave foram obser­vadas noutros lugares. 

    Uma vez que só esta­mos inter­es­sa­dos nas palavras-chave mais rel­e­vantes, vamos tam­bém fil­trar as palavras-chave no top 10 e excluir as clas­si­fi­cações de sitelink e “as pes­soas tam­bém perguntam”

    As palavras-chave dig­nas de ano­tação (desta­cadas na cap­tura de ecrã aci­ma) são as seguintes:

    • reparos de caldeiras de preço fixo
    • reparo de caldeira de emergên­cia em londres
    • emergên­cias de caldeiras
    • reparação de caldeiras elétricas
    • reparação de caldeiras a gás per­to de mim
    • reparação de caldeiras no mes­mo dia

    A par­tir dessas palavras-chave, podemos ver que os pesquisadores provavel­mente estão à procu­ra de reparadores que ofer­e­cem preços fixos em vez de preços por hora. Os pesquisadores tam­bém querem saber se ofer­e­ce­mos ou não reparos no mes­mo dia, os tipos de caldeiras que reparamos (elétri­ca, a gás, etc.) e se faze­mos chamadas de emergência.

    Estas são todas as infor­mações que deve­mos con­sid­er­ar incluir na land­ing page.

    As citações locais são menções online ao nome, mora­da e número de tele­fone da sua empre­sa. Estas foram eleitas o quin­to fator de clas­si­fi­cação mais impor­tante para per­gun­tas locais no estu­do de 2018 da Moz.

    Elas provavel­mente são um pouco menos impor­tantes hoje em dia, mas ain­da assim valem a pena por dois motivos:

    1. Aju­dam as pes­soas a encon­trarem a sua empre­sa SEO local não é ape­nas otimizar para o Google, mas tam­bém para out­ros mecan­is­mos de pesquisa que as pes­soas podem usar para encon­trar a sua empre­sa, como Yelp, Bing, Face­book, Apple Maps e qual­quer diretório especí­fi­co do setor.
    2. Ain­da o podem aju­dar a clas­si­ficar-se Mes­mo que sejam menos impor­tantes do que antes, ain­da podem aju­dar a classificar-se.

    Se estiv­er nos EUA, o mel­hor sítio para começar as suas citações locais é nos três prin­ci­pais agre­gadores dos EUA:

    Estes serviços ali­men­tam os seus dados para muitos out­ros sites e diretórios, por­tan­to obter citações ness­es serviços geral­mente pode levar a citações noutros lugares sem nen­hum tra­bal­ho extra.

    Pode tam­bém quer­er procu­rar ess­es out­ros agentes importantes:

    • Bing
    • Apple Maps
    • Face­book
    • Yelp
    • Yel­low­pages
    • Dunn & Bradstreet
    • Tom­Tom

    Além dis­so, vale a pena con­cen­trar-se prin­ci­pal­mente em citações especí­fi­cas do seu setor ou do local. Por out­ras palavras, em lista­gens e diretórios de mecan­is­mos de pesquisa locais ou especí­fi­cos do setor. Como a maio­r­ia dessas citações inclui um link para o site da empre­sa jun­to com as infor­mações do NAP, a maneira mais fácil de encon­trar opor­tu­nidades rel­e­vantes é procu­rar links comuns para out­ras empre­sas locais semelhantes.

    Veja como usar a nos­sa fer­ra­men­ta Link Inter­sect para o fazer:

    1. Insira seu domínio no Site Explor­er
    2. Clique em “Link inter­sect” no menu à esquerda
    3. Insira alguns concorrentes
    4. Clique em “Show link oppor­tu­ni­ties

    Por exem­p­lo, se fiz­er­mos isto para uma empre­sa de canal­iza­ção e alguns dos seus con­cor­rentes, ver­e­mos muitos resul­ta­dos que são clara­mente diretórios locais ou especí­fi­cos do setor:

    Obter citações destes sites é nor­mal­mente tão sim­ples como cri­ar uma con­ta e adi­cionar os seus detalhes.

    Leitu­ra recomen­da­da: How to Build Local Citations

    Os Back­links são um fator de clas­si­fi­cação con­heci­do do Google, porém podem ser difí­ceis de con­stru­ir. Por isso, é impor­tante garan­tir que nen­hum dos links que já pos­sui seja des­perdiça­do. Você pode faz­er isso recu­peran­do links para pági­nas do seu site que não exis­tam mais.

    Veja como:

    1. Insira seu domínio no Site Explor­er
    2. Vá para o relatório Best by links
    3. Adi­cione um fil­tro HTTP “404 não encontrado”
    4. Redi­re­cione ess­es URLs para os seus novos locais

    Por exem­p­lo, se fiz­er­mos isto para um canal­izador em Nova Iorque, vemos uma pági­na mor­ta sobre limpeza de ralos, com back­links de três domínios de refer­ên­cia (sites exclusivos).

    Estes back­links estão efe­ti­va­mente des­perdiça­dos porque a pági­na está quebrada.

    Uns rápi­dos cliques no site rev­e­lam o prob­le­ma: Eles mover­am a pági­na “serviços de limpeza de esgo­tos” para um novo URL e esque­ce­r­am-se de redi­re­cionar o URL antigo:

    Para recu­per­ar ess­es links, tudo o que o pro­pri­etário do site pre­cisa de faz­er é redi­re­cionar o URL anti­go para o novo. Você pode apren­der como faz­er isto no nos­so guia para redi­re­ciona­men­tos 301.

    Nos casos em que não há local “novo” para o URL mor­to, bas­ta redi­re­cioná-lo para a pági­na mais rel­e­vante que está a funcionar.

    O Google diz que “avali­ações pos­i­ti­vas e de alta qual­i­dade dos seus clientes podem mel­ho­rar a vis­i­bil­i­dade da sua empre­sa” — e estas são o segun­do mais impor­tante fator de clas­si­fi­cação de pacotes de mapas, de acor­do com o estu­do de 2020 da Bright­Lo­cal.

    Como pode obter mais avali­ações? Bas­ta perguntar.

    Pre­cisa ter um pouco de cuida­do com isto, pois é con­tra os ter­mos da Google ofer­e­cer incen­tivos aos clientes em tro­ca de avali­ações. Mas exis­tem maneiras de aumen­tar a prob­a­bil­i­dade de um cliente deixar uma avali­ação sem que­brar os ter­mos da Google.

    Por exem­p­lo, recen­te­mente man­dei limpar o meu car­ro vel­ho. Quan­do o indi­ví­duo ter­mi­nou, ele envi­ou-me um monte de fotos do “antes” e “depois” do meu car­ro no Facebook:

    Na ver­dade, ele não pediu por uma avali­ação. Mas pelas fotografias que tirou, tornou-se mais fácil para mim deixar uma avali­ação útil, que fiz:

    Jul­gan­do pelo número de fotos das out­ras avali­ações, parece que esta abor­dagem tam­bém resul­ta bem com out­ros clientes.

    Mas há uma for­ma deste indi­ví­duo con­seguir (provavel­mente) ain­da mais avaliações…

    … crian­do e par­til­han­do um link que os clientes podem usar para deixarem uma avali­ação, o que pode ser feito gra­tuita­mente no Google Meu Negó­cio. Ape­nas clique no botão “par­til­har for­mulário de avali­ação” no painel de gestão.

    Esta é a mel­hor práti­ca, de acor­do com a Google. Por­tan­to não pre­cisa de se pre­ocu­par em que­brar os ter­mos aqui.

    Você pode encon­trar lis­tas de “mel­hores” para prati­ca­mente qual­quer pro­du­to ou serviço, não impor­ta o quão obscuro seja. Veja esta lista de mel­hores sítios para com­er asas de fran­go em Man­ches­ter, por exemplo:

    Tam­bém há bas­tantes vari­ações das lis­tas de “mel­hores”, tal como esta lista do top 10 de mel­hores pro­priedades viní­co­las ade­quadas para cri­anças na Cidade do Cabo:

    Cri­anças e vin­ho; a mente con­funde. Mas eu discordo…

    Ter a sua empre­sa desta­ca­da em lis­tas rel­e­vantes como esta é uma boa ideia por duas razões principais:

    1. Traz mais clientes pela por­ta — Estes arti­gos-lista­gens nor­mal­mente têm clas­si­fi­cação ele­va­da dev­i­do a ter­mos como “melhor__ em __”. Se estiv­er em 9 de 10 lis­tas, provavel­mente irão exper­i­men­tar o seu pro­du­to ou serviço.
    2. Fornece-lhe back­links — E já sabe­mos que os back­links aju­dam-no a clas­si­ficar-se mais alto no Google.

    Aqui está como encon­tra lis­tas locais rel­e­vantes para abordar:

    1. Instale a SEO Tool­bar da Ahrefs
    2. Pesquise no Google algo que provavel­mente retornará lis­tas rel­e­vantes para sua empresa
    3. Pro­cure pub­li­cações de blogs com tráfego

    Por exem­p­lo, se você admin­is­tra um hotel bou­tique em Lon­dres, pode pesquis­ar “mel­hores hotéis bou­tique em Lon­dres”. Isto ofer­ece uma mis­tu­ra de diretórios (que pode igno­rar) e pub­li­cações de blogs. E pode ain­da ver quais as pub­li­cações que obtêm tráfego, obser­van­do os dados da SEO Tool­bar:

    Se se deparar com uma pub­li­cação rel­e­vante onde você ain­da não está em destaque, tudo o que você pre­cisa de faz­er é encon­trar o endereço de e‑mail do pro­pri­etário do site ou do edi­tor e enviar um e‑mail como este:

    Olá Tom,

    O meu nome é Josh e sou o dono do Josh­tique, um hotel bou­tique em Shored­itch. Vi a sua lista dos mel­hores hotéis bou­tique em Lon­dres e fiquei desapon­ta­do por ver que não fomos incluídos.

    Mas hey, isto é com­preen­sív­el, uma vez que abri­mos ape­nas há alguns meses atrás 🙂

    Se estiv­er inter­es­sa­do, ado­raria que viesse pas­sar uma noite no nos­so hotel para que pos­samos ser con­sid­er­a­dos na sua lista. Nada de obrigações.

    Aqui estão algu­mas ima­gens dos quar­tos: [Link]

    Respon­da ao email se estiv­er inter­es­sa­do na nos­sa oferta!

    Ter um site não-saudáv­el pode levar a todos os tipos de prob­le­mas de SEO. Isto vale para SEO local e nacional. Se o Google não con­seguir encon­trar, ras­trear, enten­der e indexar o seu con­teú­do com efi­ciên­cia, você terá problemas.

    Pode ficar de olho na saúde do seu site com a Audi­to­ria do Site da Ahrefs, onde pode agen­dar o ras­trea­men­to reg­u­lar do seu site que pode encon­trar mais de 100 prob­le­mas. O mel­hor de tudo é que você pode usá-lo gra­tuita­mente para os seus próprios sites, inscreven­do-se nas Ahrefs Web­mas­ter Tools.

    Aqui estão ape­nas alguns erros que ele verifica:

    • Pági­nas que­bradas (4XX)
    • Tags de títu­lo ausentes ou vazias
    • Links exter­nos quebrados
    • Pági­nas órfãs (ou seja, pági­nas sem links internos)

    Você pode ver uma lista com­ple­ta de erros e prob­le­mas que afe­tam seu site no relatório All issues. Este mostra ain­da as alter­ações entre os ras­trea­men­tos, para que pos­sa ver quais prob­le­mas estão mel­ho­ran­do ou piorando:

    Tam­bém verá a pon­tu­ação de saúde do seu site no painel da Ahrefs. Isto é útil para ficar de olho na saúde do seu site ao lon­go do tem­po, sem a neces­si­dade de se apro­fun­dar na Audi­to­ria do Site:

    Considerações finais

    A parte mais impor­tante do SEO local é, sem dúvi­da, reivin­dicar, otimizar e atrair comen­tários para o seu per­fil do Google Meu Negó­cio. É assim que irá obter mais exposição dos resul­ta­dos do “pacote de mapas” do Google. A clas­si­fi­cação mais alta nos resul­ta­dos orgâni­cos “reg­u­lares” do Google é mais sobre o SEO “tradi­cional”: seg­men­tar as palavras-chave cer­tas, faz­er SEO na pági­na e cri­ar back­links locais.

    À procu­ra de apren­der mais? Leia o nos­so beginner’s guide to local SEO.

    Tem questões? Fale comi­go no Twit­ter.